8 tipos diferentes de comida fast-food pelo mundo

Do tradicional hambúrguer ao poke, existem muitos tipos de fast-food pelo mundo. Confira, neste artigo, tudo que você precisa saber!

Lanches rápidos, exclusivos, acessíveis e apaixonantes. Essas são algumas das principais características que fazem dos restaurantes de fast-food uma sensação em escala mundial. E no Brasil, isso não é diferente!

Além de ser um dos segmentos que mais cresce, o fast-food possui uma clientela fiel e constante. Para se ter uma ideia, segundo pesquisa do Opinion Box 2019, 44% dos internautas alimentam-se em redes de fast-food pelo menos uma vez a cada 15 dias.

Além disso, 49% gastam em média R$ 51 por mês em restaurantes e lanchonetes fast-food. E quando o quesito é delivery, 44% dizem fazer o pedido para receber em casa.

E os pontos favoráveis não param por aí! Conforme a EAE Business School, o Brasil é o país com o maior consumo de fast-food na América Latina. Estes resultados são confirmados em números.

Ao longo de 2019, as franquias de alimentação faturaram R$ 48 bilhões, conforme a Associação Brasileira de Franchising (ABF). E quem se destaca neste mercado, tem grandes chances de ter um negócio de sucesso!

Mas como funciona o mercado de fast-food?

Além da agilidade no atendimento e no desenvolvimento de refeições rápidas, a comida fast-food exige criatividade e estratégia.

Por isso, é importante ficar atento ao que acontece no mercado e, principalmente, encontrar alternativas novas para conquistar o consumidor.

Para auxiliar na melhor definição, inspirar e refrescar suas ideias, trazemos os principais detalhes que você precisa saber sobre fast-foods.

Afinal, o que é fast-food?

O estilo fast-food teve sua origem por volta da década de 50, nos Estados Unidos. Naquele momento, a sociedade vivia uma fase econômica favorável e, devido à rotina acelerada entre casa e trabalho, as refeições rápidas e práticas se tornaram uma opção constante na vida das pessoas.

Mais do que uma mudança de consumo, alimentar-se fora de casa se tornou um evento especial entre as famílias americanas, o que fez com que com restaurantes e lanchonetes no estilo drive-in – onde o cliente é servido no próprio automóvel – também ampliassem o seu comércio.

Na Europa, esse movimento andou em um ritmo parecido. No mesmo período, os locais conhecidos como bistrôs se tornaram famosos por oferecerem pratos rápidos aos consumidores.

O que o fast-food tem de diferente do restaurante comum?

Os estabelecimentos de fast-food possuem características particulares que os tornam parte de um setor exclusivo.

Principais diferenciais do fast-food

•  As refeições são pensadas para serem preparadas e vendidas de maneira rápida.

•  O sistema de produção é sistematizado para garantir que o atendimento seja o mais ágil possível, como numa linha de montagem.

•  Geralmente, os estabelecimentos são pensados para refeições rápidas, nos quais o consumidor faz o pedido, alimenta-se e sai, ou apenas passa para buscar a comida.

•  O cardápio é bem definido e, normalmente reduzido, focando-se em apenas um ou poucos tipos de pratos.

Por meio destas características, já dá para identificar os nomes de alguns estabelecimentos, né?

Normalmente, associamos o fast-food a grandes redes de alimentação. Contudo, existe uma ampla diversidade de pratos sendo vendidos neste modelo no mundo todo. Confira alguns deles a seguir.

8 tipos de fast-food no mundo

1.  Hambúrgueres

Fast food hambúrguer

Com certeza, o mais tradicional de todos, o hambúrguer faz parte de um mercado que desperta o interesse de todas as idades.

As duas grandes rivais, Mcdonald's e Burger King, despontam como as principais redes do mundo. A primeira delas conta com 37 mil lojas em 119 países. Já a segunda possui cerca de 15 mil estabelecimentos. E no cardápio destas redes o que não falta é preço acessível e pratos pra lá de deliciosos.

Além de se destacarem nas vendas com seus famosos combos, com hambúrguer, refrigerante e batatas-fritas, estas marcas estão sempre um passo à frente quando o assunto é inovação.

Periodicamente, apostam em sabores diferentes e lançam novos produtos no mercado. A Burger King, por exemplo, foi uma das pioneiras no lançamento de uma opção totalmente vegana.

2.  Pokes

Fast food pokes

Em uma espécie de fast-food casual, as unidades de Poke tem conquistado a preferência dos brasileiros. Originário da culinária havaiana, trata-se de um tipo de prato servido em tigelas de porcelana, com peixe cru cortado em cubos – geralmente salmão e atum – arroz, folhas, algas e frutas.

A opção é prática e fácil para quem busca uma alimentação equilibrada na correria do dia a dia.

3.  Sanduíches

Fast food sanduíche

Se de um lado, há quem goste de hambúrgueres. Por outro lado, existem aqueles que valorizam um bom sanduíche! Prova disso é a cadeia de lojas da marca Subway.

Com a abertura da primeira loja em Bridgeport, Connecticut, em agosto de 1965, a rede deu o primeiro passo para conquistar o consumidor ávido por lanches rápidos e nutritivos.

Hoje, a marca conta com mais de 39 mil lojas em todo o mundo, ultrapassando, até mesmo, a marca mais lembrada do mercado, McDonald's. Curioso, não é mesmo?

Entre os seus grandes diferenciais está o oferecimento de opções mais saudáveis e, ao mesmo tempo, mais personalizáveis.

Ao fazer o pedido, o consumidor tem a opção de montar seu próprio sanduíche, escolhendo o tipo de pão, os vegetais, as proteínas, os molhos e os demais acompanhamentos. E tudo feito na hora e na frente de quem compra.

Em escala menor, podemos falar também de marcas que se destacam por seu estilo peculiar e exclusivo de atendimento. A marca Pans & Company, por exemplo, é uma rede espanhola que oferece ao consumidor sanduíches bem preparados, com ingredientes frescos e naturais, no estilo mediterrâneo.

Ah, e os pães são assados na hora! O cardápio conta com opções pra lá de diferenciadas, como os sanduíches de Salmão com Guacamole e o de Mozzarella Pesto.

4.  Pizzas

Fast food pizza

Quem não gosta de uma deliciosa pizza, não é mesmo? Entendendo o filão de mercado desta categoria, muitos empreendedores já investiram no prato para alcançar o sucesso no mercado.

Entre as marcas que se destacam no setor mundial estão a Pizza Hut, considerada a principal marca de pizza dos Estados Unidos, e a Domino’s. Enquanto a primeira conta com mais de 16 mil lojas pelo mundo, a segunda possui mais de 13 mil unidades em operação.

Além das pizzas tradicionais, no Brasil, por exemplo, já existem restaurantes fast-food vendendo opções de pizza por pedaço. Ou seja, o consumidor pode comprar apenas o que achar necessário ou escolher diversos sabores diferentes em um mesmo pedido. Tudo isso a preços acessíveis!

5.  Donuts

Fast food donuts

As famosas rosquinhas com coberturas deliciosas estão na boca do povo, literalmente. Uma das empresas mais lembradas quando pensamos no assunto é a americana Dunkin' Donuts.

Em seu cardápio, podemos encontrar as famosas e diversificadas rosquinhas. Dizem que a marca conta com cerca de mais de mil variedades de rosquinhas, todas acompanhadas de diferentes opções de coberturas. Os restaurantes da marca também vendem sanduíches, wraps, muffins e, para acompanhar, chás e cafés.

6.  Frango frito

Fast food frango frito

Já pensou em um restaurante de fast-food focado em frango frito? Ele existe! A KFC (Kentucky Fried Chicken) é uma rede especializada no prato. Ela surgiu em 1939, nos Estados Unidos, e hoje já conta com mais de 5 mil lojas em 120 países.

No Brasil, são mais de 60 lojas oferecendo aos consumidores pedidos crocantes acompanhados de molhos saborosos, atendendo principalmente nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Ceará.

7.  Kebab

Fast food kebad

Originário do Oriente Médio, o tradicional kebab tem se tornado febre em restaurantes fast-food em diferentes pontos do mundo.

Em sua versão original, na Turquia e no Líbano, o prato é feito da seguinte forma: tiras de uma carne assada em um espeto são retiradas e envolvidas em um pão amassado e aquecido, juntamente com salada e molho.

O prato também pode ser encontrado em locais como a Europa, a Nova Zelândia e a Austrália. No Brasil, ele ganhou uma variação chamada de "churrasco grego", que é composto por carne bovina, pão francês e molho vinagrete.

8.  Comida mexicana

Fast food comida mexicana

Burritos, tacos, quesadilla e muitos outros pratos compõem o cardápio de restaurantes que apostam na culinária mexicana. Além de ser um atrativo que gera curiosidade nos consumidores brasileiros, a opção estrangeira traz uma temática que pode ser explorada com muita criatividade pelos estabelecimentos.

No Brasil, há pelo menos sete franquias atuantes no setor. Em escala mundial, destacam-se redes como a Taco Bell, que hoje conta com mais de 6 mil restaurantes em diferentes locais do mundo. , amanhã e além.

E então, bateu a fome? Escolha sua comida fast-food preferida e bom apetite!

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário