O que é Finger Food e quais ocasiões servir?

Finger food é uma categoria de pratos servidos em pequena quantidade, para consumo individual, sem que haja a necessidade de pratos e talheres, de modo prático. Neste artigo, mostraremos como e quando servir esse tipo de especiaria.

Finger food

Finger foods são todos os pratos servidos em porções individuais e que podem ser consumidos em uma ou duas mordidas. As finger foods ou, em português, “comer com os dedos”, buscam proporcionar praticidade sem que haja a necessidade de montar uma mesa completa para servir seus convidados.

Afinal de contas, pode-se comer em pé, com a porção na mão, sem grandes cerimônias, de forma espontânea e descontraída.

De modo geral, a finger food é servida em palitos, mini cumbucas, pratinhos e copinhos para servir seu propósito: otimização de tempo e espaço.

Confira mais detalhes sobre essa tendência descomplicada, além de aprender como e quando servir finger food para seus convidados.

O que é Finger Food?

Tratam-se de petiscos que podem ser desfrutados em ocasiões formais e informais, apresentando benefícios de otimização de tempo e espaço, além de evitar bagunça e uma quantidade significativa de louça suja.

Ou seja, são opções de pratos servidos em porções individuais, geralmente consumidos na mão.

Um exemplo clássico desse tipo de prato são os canapés, de origem francesa, servidos em comemorações sociais e, depois disso, em diversas outras ocasiões desde meados de 1700.

A finger food é uma forma de simplificar o trabalho do anfitrião ou dos organizadores do evento e trazer um charme especial para a ocasião.

Quais ocasiões posso servir Finger Food?

Podem ser servidas em diversas situações, no entanto, abaixo citaremos cinco das principais ocasiões em que os pratos da modalidade serão particularmente bem-vindos, encaixando-se perfeitamente com a proposta dos eventos.

1.  Eventos informais

De modo popular e sem a nomenclatura “finger food”, muitos eventos informais, como comemorações realizadas em casa, já servem as comidinhas em pequenas porções para serem consumidas sem grandes cerimônias.

Diversas vezes, a escolha pela categoria de pratos vem da necessidade de acomodar mais pessoas do que o espaço permite, sendo necessário adaptar os “comes e bebes” da recepção.

Assim, os convidados podem se servir em pé, circular sem problemas e aproveitar ainda mais a comemoração, afinal, estarão bem acomodados e o anfitrião da mesma maneira, tranquilo para aproveitar seu evento.

2.  Celebrações sociais

Elas também podem servir bem em celebrações mais formais, como casamentos e formaturas, por exemplo. Embora, de modo geral, a comida de dedo seja servida como entrada, antes do prato principal.

Nesse tipo de ocasião, os organizadores do evento utilizam os pratos em porções individuais como petiscos, um tira-gosto para os convidados.

3.  Brunch

Popular em vários países, o brunch é uma refeição de origem britânica que acontece no horário intermediário entre o café da manhã e o almoço, geralmente servido das 10h às 14h.

Esse tipo de evento reúne pratos servidos comumente nessas duas refeições, sendo considerado uma das ocasiões ideais para servir as finger foods.

4.  Coquetéis empresariais

Os pratos de porções individuais são opções pertinentes para reuniões mais curtas, como os coquetéis empresariais, que possuem mais ou menos duas horas de duração.

São escolhas inteligentes para comemorar metas cumpridas, aposentadorias no escritório, final de ano e outras datas comemorativas.

5.  Palestras

Reuniões, palestras e formação continuada são oportunidades perfeitas para servir pratos de finger food. Afinal, esse tipo de evento deve seguir seu curso sem interrupções longas.

Desse modo, o coquetel pode ser servido como um buffet através de uma mesa de finger foods ou oferecido por garçons ao decorrer do evento e os envolvidos, por sua vez, podem degustar das delícias sem que sua atenção seja comprometida.

Como servir Finger Food?

Existem duas maneiras de servi-las: a primeira é contando com o suporte de garçons. Já a segunda é montando uma ilha, uma espécie de buffet que centraliza os petiscos.

Se optar pela primeira maneira, os pratos e bandejas devem estar devidamente apresentados, enquanto na segunda maneira, os pratos e a ilha devem estar decorados de acordo com a ambientação do restante do evento.

Nesse último caso, luzes e flores também podem compor o cenário.

Atente-se também às louças e pratos escolhidos, pois esses são detalhes que influenciarão no sucesso do evento. Se você está buscando sofisticação e elegância, as louças e os aparatos de porcelana podem ser a escolha ideal.

Mesmo que elegantes, os pratos devem preservar a praticidade, por isso, não complique demais.

Os convidados devem conseguir degustar os pratos apenas com uma mão, sem ter que cortar, picar ou realizar qualquer outra manobra para consumir o alimento.

Os ingredientes escolhidos também devem estar de acordo com a temática do evento, preservando, mais uma vez, o propósito desse tipo de modalidade.

Entre as comidas de dedo mais famosas para as ocasiões mencionadas no tópico anterior estão os:

  • canapés - dos mais diversos tipos;
  • risotos;
  • saladas;
  • escondidinhos;
  • quitutes servidos em palitinhos - como frutas com cobertura de chocolate;
  • mini-hambúrgueres;
  • empadas; e
  • mousse em potinhos.

Por fim, lembre-se de caprichar na preparação e na apresentação dos pratos de finger food, se bem feitos e bem apresentados, o sucesso do seu evento estará garantido, pelo menos no que diz respeito aos alimentos servidos.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário