10 cervejas mais vendidas no Brasil

Descubra quais são as 10 marcas de cervejas mais vendidas no Brasil e aprenda outras curiosidades interessantes sobre a queridinha dos brasileiros.

Cervejas mais vendidas brasil

As cervejas mais vendidas no Brasil formam uma lista com marcas brasileiras e estrangeiras. No caso das nacionais, a Itaipava fica nas primeiras colocações, já quando o assunto é bebida internacional, a Skol é a número um.

Lembre-se de que uma grande maioria das cervejas estrangeiras, como no caso da Skol, são produzidas no Brasil, pela AMBEV. Por isso, é comum que cause desconfiança nas pessoas, achando que a cerveja é brasileira pelo simples fato de ser produzida aqui, mas não. A Skol, por exemplo, é uma marca dinamarquesa. Você sabia disso?

Outra curiosidade interessante e que merece ser compartilhada é o fato de que a lista de mais vendidas e o ranking de melhores cervejas do Brasil são diferentes.

O motivo é bem simples: a diferença entre as listas acontece por causa dos valores de venda e pelo baixo estoque, muitas vezes.

Vamos ao assunto principal: a lista de cervejas mais vendidas por bares, restaurantes e mercados no Brasil, razão pela qual a maioria das marcas mais conhecidas da lista são produzidas pela AMBEV. Veja só!

Quais as cervejas mais vendidas no Brasil?

O brasileiro ama uma cervejinha gelada e, seja na mesa do bar, do restaurante ou na geladeira de casa, as marcas de cerveja Skol, Original, Antarctica ou Brahma sempre estão presentes.

A cerveja é uma das bebidas mais vendidas no Brasil, deixando nosso país na terceira posição mundial no quesito consumo.

Dito isso, vamos à lista mais desejada do momento!

1.  Skol

Cerveja skol

A queridinha número um do brasileiro é sem dúvida a Skol, marca dinamarquesa, mas com autorização para ser produzida no Brasil.

A versão tradicional é a pilsen, mas é possível encontrar a Skol na versão puro malte também.

Ambas lideram o ranking de cervejas mais vendidas e consumidas no País. E você? Gosta de Skol? Veja qual marca está na segunda posição de consumo no território nacional.

2.  Antarctica

Cerveja antarctica

Essa leva o segundo lugar, mas sem tomar grande distância da terceira colocada.

A fabricante da marca também é dona de outra cerveja bem quista pela população, a famosa Original.

A diferença é que a Original tem um valor um pouco mais alto em relação à Antarctica em si, por isso a azulzinha levou a segunda posição, deixando a Original, inclusive, fora da lista.

3.  Nova Schin

Cerveja nova schin

A nova aquisição da Heineken estampa o terceiro lugar na lista de cervejas mais vendidas no território nacional, porém, diferentemente das outras, essa possui uma única versão: a pilsen.

Mas, sem dúvidas, deve estampar o cardápio de qualquer estabelecimento, assim como deve ocupar um lugarzinho na sua geladeira.

4.  Itaipava

Cerveja itaipava

Essa é totalmente verde e amarela. A marca é brasileira e sua produção fica em Petrópolis, onde foi fundada a cervejaria em 1993.

Mesmo não sendo muito conhecida em questões de marketing, a cerveja tem venda alta e atualmente está patrocinando eventos automobilísticos, buscando uma maior visibilidade.

5.  Brahma

Cerveja brahma

Outra brasileirinha! Aqui, ela ocupa o quinto lugar no ranking nacional, mas quando levada a pesquisa a outros países, a cerveja Brahma aparece em décimo lugar em consumo mundial.

O estoque dela é alto e por isso a facilidade de encontrar a bebida em vários lugares, afinal, sua produção faz parte da AMBEV, produtora que detém quase 70% do mercado de bebida alcoólica do País.

6.  Kaiser

Cerveja kaiser lata

Comercializada pela produtora da Heineken, a Kaiser, assim como a Nova Schin, é uma marca brasileira, comprada e produzida por marcas do exterior com fábricas no Brasil.

Criada em 1982, a marca ficou nacionalmente conhecida pelas propagandas criativas dos anos 90 e 2000. Quem não se lembra do “baixinho da Kaiser”, não é mesmo?

7.  Bohemia

Cerveja bohemia

Uma marca alemã produzida no Brasil e que, apesar de ter nuances que lembram as cervejas da Alemanha, a bebida foi um pouco adaptada para o paladar dos brasileiros. O que parece que deu certo, afinal, a bebida está em sétimo lugar em número de vendas no território nacional.

8.  Bavária

Cerveja bavária

O início da produção da cerveja pertencia à Antártica, mas a Heineken entrou no mercado brasieiro para competir com a AMBEV e por isso levou a autorização para produzir a Bavária também.

Ocupando o oitavo lugar, a cerveja está coladinha na Bohemia, a famosa “briga de cachorro grande” para se manter em suas colocações.

É legal avisar que, assim como a Brahma, a Bavária ficou conhecida pelas boas propagandas de televisão, chegando a “ganhar” o título de "cerveja dos amigos” por causa do bom marketing.

9.  Brahma Chopp

Brahma chopp lata

Mesmo sendo um tipo de chope, definido pela lentidão da fermentação da bebida, a Brahma Chopp ocupa o nono lugar em vendas.

Os brasileiros têm apreço pelo chope, que, comparado à cerveja, tem um sabor mais marcante e uma consistência mais encorpada. O único representante desse tipo na lista merece mesmo destaque, pois possui números altos de vendas, ultrapassando na colocação a próxima marca de cerveja.

10.  Crystal

Cerveja crystal

Mesmo ocupando o último lugar, a Crystal foi a marca de cerveja que inovou o mercado brasileiro usando lacres em cima das tampas com o propósito de proteger e aumentar a higiene das embalagens.

Além da pilsen tradicional, a marca ainda inovou criando a pilsen com limão e outra versão com guaraná, porém, nenhuma das duas alcançou muito sucesso.

Seja qual for o tipo ou marca de cerveja, nosso país é adepto e fã de uma geladinha, que na maioria das vezes combina muito bem com petiscos para receber os amigos e se divertir. Que tal organizar um happy hour e chamar a galera para experimentar os itens dessa lista?

E-Book grátis

15 ideias de embalagens para inovar no delivery

O que você achou do post?

1 Resposta

Deixe seu comentário